terça-feira, 5 de junho de 2018

O quintal do vizinho




Oi gente!


Faz tempo que não escrevo aqui, mas hoje resolvi matar a saudade do meu blog amado! hahaha

Vamos refletir um pouco?




O quintal do vizinho


        Ouvimos sempre a expressão, a grama do quintal do vizinho é sempre mais verde que a do nosso. É incrível que isso ocorra sempre. Com todos nós - felizmente não com tanta frequência - mas independente da situação, nos pegamos vez ou outra a desejar o que o outro tem.
Seja aquele emprego dos sonhos como o da Glória Maria que já viajou para um zilhão de países e ainda ganha para isso.
Perfeição, não?
E  o que falar das blogueiras famosas, que ganham muita grana para testar produtos que dificilmente teremos condições de comprar. Elas ganham para testar, e ainda ganham o sonho de consumo de todos: o produto em si.   Maravilha, não é?
Talvez.
E vamos voltar nossos olhos para a literatura. Os booktuber que ganham dezenas e dezenas de livros para ler e resenhar. Qual o maior sonho de uma pessoa que ama livros? Tê-los aos montes.
Pode existir algo mais perfeito que isso? Ganhar da editora aqueles livros que TODOS desejam ter.
Para quem ama livros, deve sentir o mesmo que eu: uma enorme inveja branca.
O tal quintal do vizinho.
Agora, vamos aprofundar um pouco mais nossa reflexão. Aquela mulher que vai para balada e pega o cara. Aquele, que é o sonho molhado de qualquer mulher. Lindo. Alto. Musculoso. Sarado e claro - porque se não for assim, não serve - totalmente tatuado. E de quebra,  quando sorri ainda tem aquela covinha charmosa que o deixa com cara de menino safado.
Sortuda filha da mãe.
Daí você se pega pensando - e desejando - o que o outro tem:
O emprego da Glória, porque você no máximo consegue ir para o estado vizinho e quando planeja essa viagem com muita antecedência, comprando hospedagem em sites de reservas que fazem promoção relâmpago - e sempre disponibilizam os piores quartos. 
E o que dizer das roupas e maquiagens maravilhosas das melhores marcas que a tal blogueira ganha  de presente para usar e ainda recebe o pagamento porque usa, enquanto você compra suas coisas e tem que parcelar tudo em 10 vezes. Quando acaba de pagar, a maquiagem já acabou e você tem que passar mais um tempão até liberar o cartão para comprar novamente. Terrível essa sua vida, não é? Trabalha pra caramba e nunca consegue estar livre das dividas porque simplesmente gosta do que é bom, e você merece se dar um presente uma vez na vida.
E quanto aos livros que a tal moça do blog recebe para ler e resenhar. Dezenas deles que elas tem a obrigação de concluir a leitura, porque sua meta é infinita e ela precisa cumprir para ganhar mais e mais livros. O prazer da leitura se perde no meio disso tudo? Com toda certeza.
E a sua vizinha do fim da rua que sai religiosamente toda sexta e volta para casa com aquele cara, que te arranca suspiro pela manhã quando sai da casa dela com cara de quem passou a noite inteira em um sexo ardente e delicioso. Enquanto você, fica com o seu namorado da escola que já não lembra nem mesmo da data do aniversário de namoro dirá o que significa uma noite inteira de sexo ardente. Frustrante, não?

Pois é, o tal do quintal do vizinho é fascinante. 

Mas daí, você chega em casa, depois de um dia de trabalho e veste aquele pijama surrado que você ama, e se joga no seu sofá retrátil que você conhece cada manchinha de café e que tem o cheiro daquele cara que não se incomoda de te ver vestida com seu pijama ridículo, e sem nenhuma maquiagem,  e ainda põe teus pés no colo dele e te faz uma longa massagem que te relaxa mais do que qualquer rodada de sexo poderia relaxar e não se incomoda que você pegue aquele seu livro que você comprou com muito sacrifício e que agora ler devagarzinho saboreando cada paragrafo e sem esperar , você simplesmente suspira agradecida pela vida simples e descomplicada que tem. 
Até  se deparar com o quintal do vizinho novamente.
Assim é a vida.
Assim são as pessoas.
Dê valor as pequenas coisas, porque no final da sua jornada, são esses mínimos detalhes que vão alegrar teus dias.

Espero que tenham gostado!

Um beijo em cada um de vocês!

Sheila Guedes


3 comentários:

  1. Lindo Sheila... Terminei pensativa.

    ResponderExcluir
  2. Refletindo tudo isso....sou bem feliz na minha vidinha humilde, parcelando meus livros em dez vezes!!!!

    ResponderExcluir